Loading...
0%

Novo benefício começa a ser pago nesta terça (26) no CAIXA Tem; confira

Novo benefício começa a ser pago nesta terça (26) no CAIXA Tem; confira

Nesta terça-feira (26), os estudantes do ensino médio da escola pública começarão a receber o pagamento da primeira parcela do programa Pé-de-Meia do governo federal. Assim, o repasse acontece na conta poupança social digital aberta na CAIXA Econômica Federal em nome do aluno. Então, ele poderá movimentar a quantia por meio do app CAIXA Tem (disponível para Android e iOS).

Assim, o valor de R$ 200 é referente ao Incentivo-Matrícula, que é pago uma única vez por ano ao estudante que se matricula em uma escola pública. Dessa forma, os repasses ocorrem de acordo com o mês de nascimento do aluno. Veja mais detalhes sobre o pagamento!

Programa Pé-de-Meia

Portanto, o programa Pé-de-Meia é uma estratégia implementada pelo governo para incentivar a continuidade dos estudos entre os alunos do ensino médio. Assim, ele visa fornecer suporte financeiro adicional para ajudar os estudantes a enfrentarem desafios financeiros durante sua jornada educacional.

Dessa forma, os beneficiários do Pé-de-Meia são exclusivamente os alunos matriculados no ensino médio da rede pública. Sendo que essa iniciativa busca reduzir as disparidades socioeconômicas e garantir que todos os estudantes tenham condições adequadas para prosseguir com seus estudos.

Benefício CAIXA Tem
Imagem: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Pagamento no CAIXA Tem

Enfim, como dito anteriormente, o pagamento do Incentivo-Matrícula do Pé-de-Meia, que teve início nesta terça-feira (26), ocorre de acordo com o mês de nascimento do estudante no app CAIXA Tem. Confira o calendário de repasse:

Mês de aniversárioData do pagamento
26 de marçojaneiro e fevereiro
27 de marçomarço e abril
28 de marçomaio e junho
1º de abriljulho e agosto
2 de abrilsetembro e outubro
3 de abrilnovembro e dezembro
Fonte: Ministério da Educação

Contudo, vale destacar que o pagamento do incentivo ocorrerá somente uma vez ao ano, ainda que o estudante faça transferência de matrícula para outra unidade escolar.

Imagem: Marcello Casal Jr./Agência Brasil