Universo dos Cartões
0%

Nova atualização do Caixa Tem; confira

Nova atualização do Caixa Tem; confira

A Caixa Econômica Federal anunciou uma nova atualização para o Caixa Tem, plataforma que se tornou essencial para milhões de brasileiros. O foco principal dessa atualização é otimizar a experiência dos beneficiários do Bolsa Família, proporcionando recursos aprimorados e maior facilidade de acesso aos serviços financeiros.

Uma das principais novidades é a expansão das funcionalidades oferecidas pelo aplicativo. Além de continuar sendo uma ferramenta para movimentação do auxílio emergencial e outros benefícios sociais, o Caixa Tem será ainda mais integrado ao programa Bolsa Família. 

Veja mais: Viagem de fim de ano: veja como se planejar

Sobre a novidade

Como dito antes, essa integração visa simplificar o acompanhamento do benefício, permitindo consultas mais detalhadas sobre pagamentos, datas de depósito e extratos.

Outro destaque da atualização é a melhoria na navegabilidade e na usabilidade do aplicativo. Assim, o objetivo é tornar a experiência do usuário mais intuitiva e eficiente, facilitando a realização de operações financeiras e consultas de forma rápida e segura.

Além disso, a Caixa reforça seu compromisso com a segurança dos usuários. A nova versão do Caixa Tem contará com medidas adicionais de proteção, visando garantir a integridade das transações e a privacidade dos beneficiários.

O que fazer se meu Caixa Tem bloquear? 

Caso isso aconteça com você é preciso seguir alguns passos para desbloquear. No próprio app há a função “Liberar acesso”, mas há situações em que o usuário precisa ir até uma agência bancária para resolver a situação. 

O tempo médio de duração do desbloqueio é de 48 horas, tanto para opção online quanto para a presencial. Então, o usuário pode escolher a melhor opção para resolver o problema. 

O importante é resolver a situação, já que o Bolsa Família e o Auxílio Brasil caem na conta do Caixa Tem, então é essencial que o funcionamento do app esteja em dia. Isso porque com o aplicativo bloqueado os usuários não conseguem movimentar o pagamento do benefício. 

Dessa forma, sempre atualize suas informações e procure cumprir as regras que o app estabelece para não perder o acesso. 

Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil