Universo dos Cartões
0%

INSS: quem recebe o benefício hoje?

INSS: quem recebe o benefício hoje?

O calendário de pagamentos do INSS começou no dia 21 de dezembro, ou seja, grande parte dos beneficiários já recebeu. Hoje 95), quem receberá são as pessoas com número final 9 e 4. 

Sendo assim, confira o calendário completo previsto para essa semana e saiba quando você vai receber seu benefício. Veja, também, as mudanças que o INSS vai fazer em 2024. 

Veja mais: Confira o calendário do Auxílio Gás de fevereiro

Calendário de dezembro do INSS 

É importante destacar que o calendário segue o número final do cartão do benefício, desconsiderando o dígito verificador, logo depois do traço. Sendo assim, veja as datas dos pagamentos do INSS previstas para o mês de dezembro:

Até 1 salário mínimo

  • Final 1: 21 de dezembro;
  • Final 2: 22 de dezembro;
  • Final 3: 26 de dezembro;
  • Final 4: 27 de dezembro;
  • Final 5: 28 de dezembro;
  • Final 6: 2 de janeiro;
  • Final 7: 3 de janeiro;
  • Final 8: 4 de janeiro;
  • Final 9: 5 de janeiro;
  • Final 0: 8 de janeiro.

Acima de 1 salário mínimo

  • Final 1 e 6: 2 de janeiro;
  • Final 2 e 7: 3 de janeiro;
  • Final 3 e 8: 4 de janeiro;
  • Final 4 e 9: 5 de janeiro;
  • Final 5 e 0: 8 de janeiro.

Mudanças no INSS 2024

Veja as principais mudanças para este ano: 

Idade mínima progressiva

Em 2024, a idade mínima para aposentadoria sobe para 58 anos e seis meses para mulheres e 63 anos e seis meses para homens, com um incremento de seis meses a cada ano até atingir 62 anos para mulheres (em 2031) e 65 anos para homens (em 2027).

Regra de pontos

A pontuação necessária para aposentadoria aumenta em 2024, sendo 91 pontos para mulheres (com ao menos 30 anos de contribuição) e 101 pontos para homens (com ao menos 35 anos de contribuição). Portanto, essa pontuação aumentará um ponto a cada ano, chegando a 100 pontos para mulheres (em 2033) e 105 pontos para homens (até 2028).

Aposentadoria por idade INSS

A mudança na idade mínima para mulheres já ocorreu em 2023, estabelecendo 62 anos como a idade mínima, de acordo com a reforma da Previdência.

Pedágio de 50%

Para aqueles que estavam próximos da aposentadoria quando a reforma entrou em vigor, é possível optar por um pedágio de 50% do tempo que faltava para atingir o tempo de contribuição necessário. Assim, não há idade mínima para esta regra.

Pedágio de 100% do INSS

Nesta modalidade, as mulheres podem se aposentar a partir dos 57 anos e os homens a partir dos 60 anos, desde que cumpram um pedágio de 100% do tempo que faltava para o tempo de contribuição necessário na data em que a reforma da Previdência entrou em vigor.

Imagem: Agência Brasil