Universo dos Cartões
0%

Auxílio Gás 2024: veja como solicitar o benefício

Auxílio Gás 2024: veja como solicitar o benefício

O Auxílio Gás, uma iniciativa governamental voltada para apoiar as famílias brasileiras de baixa renda diante dos crescentes custos do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP), tem sido um alívio significativo para o orçamento de muitas famílias em 2024. 

Assim, com o preço do botijão de gás atingindo patamares cada vez mais altos, o programa se torna essencial para garantir que o acesso a esse recurso básico não seja comprometido. 

Veja mais:Conheça os melhores cartões de crédito sem anuidade

Inscrição Auxílio Gás

O procedimento para solicitar o Auxílio Gás é simples e acessível. A ideia é assegurar que o maior número possível de famílias elegíveis possa se beneficiar dessa ajuda financeira. Assim, através de um processo de três etapas, os interessados podem verificar sua elegibilidade, preencher o formulário necessário e receber o auxílio.

Para ser elegível ao Auxílio Gás, é imprescindível fazer parte CadÚnico, com uma renda per capita familiar de até meio salário mínimo ou uma renda total que não ultrapasse três salários mínimos. 

Além disso, a inscrição pode ser tanto online quanto presencialmente em um CRAS. Uma vez inscrito no CadÚnico, o passo seguinte é preencher o formulário específico de solicitação do Auxílio Gás, aguardar a análise e, se aprovado, seguir as instruções para o saque do benefício.

Benefícios combinados

Um aspecto atrativo do benefício é a possibilidade de acumular este benefício com outros programas sociais, como:

  • Bolsa Família;
  • Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Ou seja, as famílias não precisam escolher entre um auxílio e outro, podendo receber suportes financeiros múltiplos que ajudam a cobrir diferentes necessidades.

Auxílio Gás: como funciona? 

O benefício cai na conta bimestralmente e tem um valor com base na média nacional do preço de um botijão de 13 kg. Esse valor é uma determinação da pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. 

Então, para verificar se o benefício caiu, os beneficiários podem utilizar os aplicativos Bolsa Família e Caixa Tem. Outra opção é entrar em contato diretamente com os números fornecidos pela Caixa e pelo Ministério do Desenvolvimento Social, Família e Combate à Fome.

Imagem: Pixabay/ joelfotos