Loading...
0%

Atraso no IPVA pode dar busca e apreensão?

Atraso no IPVA pode dar busca e apreensão?

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é uma obrigação anual que pesa no bolso de muitos brasileiros. Mas, o que acontece quando o pagamento atrasa? Muitos motoristas ficam na dúvida: será que o atraso no IPVA pode levar à busca e apreensão do veículo? Vamos esclarecer essa questão e entender as consequências do não pagamento desse imposto.

Inicialmente, é importante saber que o atraso no pagamento do IPVA pode sim trazer complicações. Entre elas, a incidência de juros sobre o valor devido e a inclusão do nome do proprietário na dívida ativa do estado. No entanto, desde 2021, a Lei nº 14.229 estabeleceu uma mudança significativa: a proibição da apreensão de veículos exclusivamente por conta do não pagamento do IPVA. Dessa fomra, isso significa que, mesmo com o imposto atrasado, seu carro não pode ir para o pátio apenas por esse motivo.

Veja Mais: Nubank deixa de prestar serviço popular. Confira

As consequências do atraso no IPVA

Apesar da proibição da apreensão do veículo por dívidas de IPVA, não pagar esse imposto ainda pode trazer dores de cabeça. O principal problema é que o atraso impede a realização do licenciamento anual do veículo. E aí sim, a situação complica. Sendo assim, sem o licenciamento, o veículo não pode circular legalmente, e, se a polícia parar pode ir para o pátio. Portanto, embora o atraso no IPVA por si só não leve à apreensão, ele cria uma cadeia de eventos que pode acabar com o carro no pátio do DETRAN.

Entendendo o imposto e suas implicações

O IPVA é um imposto estadual, o que significa que cada estado tem suas próprias regras, descontos e datas de pagamento. Geralmente, os calendários de pagamento saem nos sites das Secretarias da Fazenda de cada estado. Em São Paulo, por exemplo, os proprietários de veículos têm várias opções: pagamento à vista em janeiro com desconto, pagamento em fevereiro sem desconto, ou parcelamento em até cinco vezes, dependendo do final da placa do veículo.

Atrasar o pagamento do IPVA não é uma boa ideia. Embora o veículo não seja apreendido diretamente por essa dívida, as consequências indiretas são igualmente preocupantes. O melhor caminho é se organizar financeiramente para cumprir essa obrigação em dia e evitar problemas maiores. Sendo assim, lembre-se: a informação é sua maior aliada para navegar pelas questões burocráticas do trânsito e da propriedade de veículos.